quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Fé ou falência de fé

É muito comum hoje em nossos dias ouvir coisa desse tipo: ha eu cansei agora entrego tudo nas mãos de Deus, para mim chega. Eu te pergunto e até agora ainda não tinha entregado nas mãos dele? será que não é por isso que não deu resultado do que esperava? será que agora vai deixar de fazer o que nos compete a você fazer? Lembre-se que muitos casos deste tipo ou de atitudes como essa não é que a fé esta viva dentro deste coração, mas, já é sinal que ela esta ausente e isso é falência na fé, a virtude da fé é ao contrário disso, apesar de tudo parecer não ter resultados ainda se insiste por que se crê que Deus mostrará uma saída para aquilo que se parecia invencível, aqueles pescadores passaram a noite toda pescando e nada pegaram, mas, em virtude do conhecimento que tinham naquele que mandou jogar as redes para a direita do barco, eles jogaram e grande foi a quantidade de peixes que apanharam a ponto da rede quase se romper, nunca devemos deixar nos abatermos com as contrariedades desta vida.

Trajetória para o céu

Para se chegar a algum lugar com segurança, muitas vezes são necessário saber do caminho que nos leva até este ponto desejado, outras vezes é necessário seguir algumas orientações por parte de quem conhece, outras vezes é necessário seguir por um mapa, a verdade é que devemos chegar ao ponto que almejamos com segurança sem se deixar extraviar-se do caminho reto, a nossa passagem por este mundo é deste modo, para se chegar ao ponto Maximo que Deus desejou para nós, é necessário seguir as pegadas do Mestre Jesus, outras vezes devemos buscar ajuda por pessoas firmes na fé que poderão nos mostrar este caminho, a ainda outra maneira que é lendo a sua palavra que nos aponta a direção certa para não extraviarmos da via principal que é Jesus... Entrai pela porta estreita, por que a porta larga é a porta da perdição e são muitos os que entram por ela e ainda desejam atrapalhar a entrada dos que desejam entrar pela porta estreita

Tende sal na medida certa

Quando Jesus se dirigiu para o seu grupo de discípulos e disse lhes: Vós sois o sal da terra: ele apenas queria dizer que aqueles futuros seguidores seus deveriam ser instrumento da verdadeira vida por onde estivessem o sal tem como função preservar os alimentos da decomposição e também dar gosto nos próprios alimentos, quando se tem sal de sobra ou amais da medida fica quase que insuportável ingerir estes alimentos, assim a vida dos seguidores de Jesus deve ser dar gosto e por onde passar preservar do pecado o ambiente onde se localiza todo o cuidado para não ter sal demais é aconselhado, isto é, virar fanático, ou ver pecado em tudo, cair na tentação de ser o dono de toda verdade ou achar que é um ser perfeito, o Espírito Santo quando age em uma pessoa e encontra nela a plena liberdade ele não deixa a pessoa cair nestas armadilhas e ele da controle de toda situação, por que o dom da temperança é por ele liberado evitando assim qualquer espécie de exageros por parte do seu profeta amado.

Um comentário:

Angel@ disse...

Olá,Gildo! Fiquei encantada com seu espaço, dedicado a Deus e à Nossa Senhora. Um cantinho abençoado e acolhedor! Já estou te seguindo com alegria há um tempinho e gosto muito de vir aqui conferir as novidades! Ficarei imensamente feliz com sua presença em meus cantinhos também:
nospassosdejesusamor.blogspot.com
docessonhosdepapel.blogspot.com
Que Deus o abençoe sempre!
Abraços fraternos,
Angela